Podcasts, Reflexões

Millennials, como parar de se comparar com outros.

Millenials.jpg

Abra qualquer aplicativo de rede social e você é instantaneamente bombardeado com atualizações em tempo-real de seus amigos, família, e outros das suas redes de relacionamento.

Seu amigo do ensino médio acabou de se mudar para um apartamento maravilhoso, seu colega de trabalho está ficando noivo da mulher de sua vida, o efeito do crossfit do seu primo está começando a aparecer… e ele não está nem um pouco tímido em mostrar.

Em um mundo onde você está conectado vinte e quatro horas por dia, sete dias por semana, é incrivelmente fácil tornar-se fixado com as atualizações de todos.

É possível dizer que temos um caso de “Transtorno obsessivo de comparação” ou uma compulsão de constantemente se comparar com outros. Infelizmente, isto pode causar efeitos danosos no seu bem- estar físico e psicológico, tendo as redes sociais lincadas à depressão, ansiedade e solidão.

Além disso, estudos mostram que doenças mentais em millennials são mais frequentes que em qualquer outra geração na história.

Então como é que lidamos com isso?

Veja algumas dicas:

Encontre algo que seja apaixonado
Segundo Dumont, um dos maiores alívios que você pode encontrar da ansiedade que vem com comparação social é fazer alguma atividade que você é apaixonado. “Perceba que quando está se sentindo ansioso, pode escolher não se apegar. Às vezes quando está se sentido ansioso, parece que essa sensação nunca vai acabar, você fica neste pântano – independentemente do que já realizou até agora – e a ansiedade toma conta. Nestes momentos, o que eu diria é se distrair com algo que é apaixonado, alguma coisa que não demande muito esforço e que te coloque em um bom humor. A ansiedade irá passar”, diz Dumont.
A chave em escolher uma atividade é encontrar uma que te dê alívio instantâneo e sem esforço. Assim você conseguirá acessar facilmente em tempos angustiantes.
Ter uma atividade saudável e que te complete você pode recorrer ao invés de gastar tempo excessivamente nas redes sociais e pode ser efetivo para te ajudar a ter uma vida mais positiva e produtiva. A universidade de Yale descobriu que aqueles que passam menos tempo nas redes sociais são mais felizes e saudáveis que que aquelas que usam com mais frequência.

Medite/ Mindfulness
Quando você está ocupado se comparando com outros, pode ser difícil manter o foco em outra coisa. Para ganhar mais clareza e quietude mental, Dumont recomenda praticar uma forma de meditação. “Quando a sua mente está correndo, a meditação pode te dar mais estabilidade. Você pode dizer a si mesmo ‘Vou sentar aqui e relaxar e não vou pensar em nada, apenas neste momento”. Viver o momento pode penetrar pela ilusão das preocupações passadas e futuras, e ajudar a acalmar sua mente e corpo.
Dumont diz para ouvir músicas mais tranquilas e respirar profundamente para colher os melhores benefícios curativos. O objetivo de meditar é se desapegar de seus pensamentos e testemunhá-los objetivamente sem julgamentos, assim você conseguirá cultivar a autoaceitação. Enquanto você se torna mais confortável consigo mesmo, poderá perceber que não sente mais vontade de se comparar com outros.

Seja paciente
Leva tempo para criar novos hábitos, especialmente quando os antigos nos suprem com uma dose de dopamina. Quanto mais você esteve lutando com a comparação social, mais tempo você deverá levar para reforçar o novo hábito, um mais saudável. Isto é normal, e Dumont disse que é importante manter uma perspectiva vem planejada do seu progresso.
“Nada acontece da noite para o dia, a vida é uma maratona, não uma corrida”, Dumon diz. “Estamos tão consumidos com tudo tendo uma gratificação instantânea que queremos que nossos problemas sejam resolvidos logo de cara. Qualquer obstáculo que você tem levará tempo, paciência e trabalho duro”.

 

Trechos retirados e traduzidos deste link: https://www.forbes.com/sites/julesschroeder/2017/08/31/millennials-heres-how-to-stop-comparing-yourselves-to-others/2/#d30b1587daba

Anúncios
Mais

Minhas músicas preferidas do momento.

Descarga-de-musica-800x500

Alguns dias precisamos de uma boa playlist para alegrar ou ajudar a passar pelo nosso dia. Então resolvi compartilhar as músicas que mais tenho escutado para ver se faz bem à rotina de vocês também!

  1. Se for com você. ( Estevão Queiroga)

 

2. Canção de quem fica (Felipe Valente)

 

3. A começar em mim (Vocal Livre)

 

4. Estão orando por mim (Fernando Iglesias)

 

Qual mais gostou? Já conhecia alguma?

Qual sua indicação pra mim?

Mais, Youtube

Os 5 vídeos mais assistidos no canal!

Resultado de imagem para youtube top 5

 

Sempre compartilho com vocês vídeos de outros canais que acompanho ou sobre temas que vocês gostam, hoje quero compartilhar também mais vídeos que vocês gostam e que são os mais assistidos desde o começo do canal (fev/2013), até hoje! Não reparem a diferença de lá pra cá porque mudei muito! rs

Vamos aos Top 5!

5. Dicas de cursos online grátis (Com mais de 36k visualizações)

 

2. Dicas para quem quer dar aulas particulares (Com mais de 50k visualizações)

 

4. Como organizar seus gastos (Com mais de 53k visualizações)

 

3. 5 erros de quem não consegue guardar dinheiro (Com mais de 63k visualizações)

 

E em primeiríssimo lugar:

  1. Como economizar e poupar seu dinheiro (Com mais de 120k visualizações).

 

Já assistiu esses vídeos?

Eu quero saber: Dos que você já assistiu, qual é o seu vídeo preferido no canal?