Mais, Produtividade, Reflexões

Qual é o seu próximo desafio?

Resultado de imagem para break the routine

Segundo dia de junho e chegamos no meio do mês.
O mês passado foi super importante para o Dica pra Hoje e para mim, como pessoa.
Começamos nossa maratona de 365 dias de dicas, todos os dias e isto quer dizer muito mais do que simplesmente ‘vídeos todos os dias’.
Se você quiser entender o porquê de eu ter tomado essa decisão, é só assistir estes três minutos deste vídeo aqui:

Eu gosto muito de desafios e começo a criar alguns quando vejo que já alcancei o limite que queria. Não é nada planejado, é algo que faço instintivamente. Não me sinto bem com marasmos ou ‘tarefas soltas’. Tudo o que faço precisa estar relacionado a um ‘plano maior’, ou projeto.
Adoro metas para medir meus resultados, e como eu sou minha própria chefe no Dica pra Hoje, se não me desafiar ou não correr atrás de maiores/ melhores resultados, ninguém o fará por mim!

Acredito que às vezes o que precisamos é estabelecer desafios para nós.
Em algumas épocas de nossa vida, se não fizermos isto, se não aumentarmos nosso limite e testarmos nossa resiliência, nos sentiremos entediados ou como se a vida estivesse ruim, quando na verdade só está … na mesma.

Mas, calma! Isto também vai de pessoa para pessoa. Eu sou extremamente inquieta. Faz parte da minha personalidade. Já outras pessoas são mais tranquilas e conseguem ficar um pouco mais de tempo na ‘monotonia’ (eu não encontrei outra palavra, mas não entendam como algo ruim, tá?!)
O que muda para uma pessoa ou outra: É que algumas precisam de desafios mais constantemente e outras menos. Mas todos precisam de um certo ‘desconforto’ de tempos em tempo. 😉

Um ponto importante é que desafios em excesso e a falta extrema de rotina ou de ‘continuidade’, pode atrapalhar no alcance dos planos. Então não exagere.

Se você quiser ver o que aconteceu neste mês de maio, gravei um vídeo fazendo alguns destaques, mas também deixei links separados por temas para ficar mais fácil de encontrar o que precisa:

DESTAQUES:
365 dias/ Porque decidi fazer
Respondendo suas perguntas
Tedx Santos Eu Fui!
Arrase na sua apresentação em público
3 hábitos para introduzir na sua vida

Minimalismo:
Conclusão da Roda de Leitura
Pare de só comprar baratinho

Finanças Pessoais:
Eu consegui não gastar
Minha relação de amor e ódeio com o cartão de crédito 
Dicas para pagar à vista, sem se enrolar
Aprenda a gastar com o que importa

Organização do tempo/Produtividade:
Metas coerentes/ Como não se enrolar no seu planejamento
Seja produtivo no seu ritmo
3 truques para não se sabotar
E quando algo dá errado?
Às vezes é preciso deixar na espera

Reflexões:
Aprenda coisa novas/ Expanda sua mente
Falando de Boca Cheia/ Cansei dos negativos
Seja você mesmo
O que aprendi morando em Santos e trabalhando em São Paulo
As pessoas pararam de pensar?
Cansei de gente sem noção!

Carreira:
Vale a pena ter um diploma nos dias de hoje?
Dicas para dar um up no seu inglês

Leitura:
Conclusão da roda de leitura sobre minimalismo
A lógica do consumo

Me diga qual foi o vídeo que você mais gostou!!!
Se tiver sugestão de temas que ainda não foi tratado aqui no canal, é só sugerir! 😉

Siga o Dica pra hoje:
Curta a página: http://www.facebook.com/dicaprahoje
Me siga no insta: http://www.instagram.com/blogdicaprahoje
Converse comigo no twitter: http://www.twitter.com/dicaprahoje

A gente se fala por aí! 😉

 

Mais

Top 3 músicas que mais tenho escutado.

Resultado de imagem para ouvir musica

Hoje quero compartilhar com vocês as músicas que não tem saído da minha cabeça e que tem acompanhado meus últimos dias, repetidamente! rs

O primeiro se chama Felipe Valente. Que músicas inteligentes! Tem letra, gente! Vocês sabem o que é música de conteúdo?! Pois é…não é só melodia. Sem palavras.

A primeira música se chama “Canção de quem fica”:

 

A próxima música se chama “Sobre Ele” e é interpretado por Amanda Rodrigues. Sabe aquela voz que você ouviria por um dia inteiro e não se cansaria? Pois é.

 

E a última música se chama “Inventor do Tempo”, interpretado por Deise Jacinto. Voz doce, melodia gostosa. A letra fala o que eu não conseguiria juntar em um texto ou explicar por mim mesma.

 

Conheci estas três músicas na playlist do Leonardo Gonçalves, no spotify.
Se chama “Top 20 nacionais religiosas”.

Já indiquei outras músicas, em momentos diferentes, inclusive músicas não cristãs, mas desta vez é muita coisa boa para eu guardar só pra mim! Espero que gostem! Não é só uma questão de “religião”, mas é ouvir algo que te alimenta a alma!

Aproveite! 😉

Mais

Um milhão de visualizações.

Na semana passada compartilhei no instagram (@blogdicaprahoje) que o canal no youtube está chegando à marca de 1mi de visualizações. Quem diria que o conteúdo no Dica pra Hoje seria acessado tantas vezes assim!

Me sinto muito realizada e extremamente feliz por ver que o conteúdo é relevante a ponto de alcançarem tantos acessos!

Também compartilhei que quando atingirmos nosso primeiro milhão eu me faria um desafio. Eu sei que atingiremos ainda neste mês e estou tão convicta e confiante que meu desafio já está em andamento e assim estarei pronta para quando o dia chegar!

Eu sou uma pessoa movida a desafios e quando não tenho mais nada para aprender ou não preciso fazer mais esforço para fazer o que faço minha motivação cai, meu ânimo muda e eu fico me coçando por uma outra oportunidade.

Eu não me enjoei do Dica não! Não estou desmotivada, mas sinto que chegou a hora de me levar a um próximo nível, por isso este desafio (que vocês saberão em breve!)

Quero te convidar a refletir sobre isto. Quando é que você se sente desmotivado? Em que momento, mesmo fazendo o que você gosta, seu rendimento cai?
O que você precisa fazer para melhorar ou sair desta situação?

Não dá só para reclamar e chorar. Não dá só para ficar sonhando com o que pode acontecer em um futuro distante. É preciso se desafiar, ousar, criar e se reinventar.

Vem comigo nessa!
Sempre que assistir os vídeos no canal, lembre de compartilhar; assim chegaremos a um milhão mais rápido!!! 🙂 🙂 🙂

Mais

Você faria um curso do Dica pra Hoje?

Resultado de imagem para comments

Já há algum tempo sinto o desejo de oferecer cursos para vocês. Primeiramente cursos online e, mais pra frente, cursos presenciais para turmas pequenas.
E, já há algum tempo, algumas pessoas me enviaram mensagens privadas me perguntando se eu oferecia algum curso ou algum treinamento e me fizeram este pedido.

Sinto, então, que estamos em sintonia, mas gostaria de saber, se vocês pudessem sugerir temas de treinamentos e cursos, sobre o que seria? Quais temas vocês sugerem?
O que gostariam que eu ensinasse?

Não vou dar sugestões para não influenciar.
Estou aberta para ouvir toda e qualquer sugestão.

Escrevam para mim nos comentários!!

Quem sabe ainda este ano tenhamos novidades para vocês!

Obrigada desde já! 😉

Mais, Reflexões

E se fosse mais fácil?

Resultado de imagem para dificuldades

Quantas vezes você já não se pegou fazendo esta pergunta?
Quantas vezes você já desejou que algumas coisas fossem mais fáceis?
Esta é uma pergunta que já me fiz muitas vezes e ontem, cheguei a uma conclusão.

Você já parou para perceber que foram nos momentos mais difíceis que você conseguiu ter resultados melhores?
Já notou que quando as coisas estão complicadas você se concentra e faz coisas que nem imaginava que conseguiria?

As dificuldades nos sugam energia, mas ao mesmo tempo nos dão mais forças.
Quando percebemos que estamos no nosso limite parece que um super-herói aparece dentro da gente e temos ideias inusitadas, criamos estratégias incríveis e superamos nosso limite!

Se as coisas fossem mais fáceis não nos conheceríamos tão bem  quanto nos conhecemos, não seríamos tão “raçudos” e nem tão fortes.

Quer um exemplo?
Vamos à uma dieta.
Você vai na nutricionista e ela te passa uma dieta super equilibrada, onde você consegue comer de tudo, só que em poucas quantidades. Inclusive ela te deu umas opções de doces para comer, caso o desejo aumente.
Na primeira semana você segue direitinho e depois diz que não aguentava mais comer tão pouco.
Daí você resolve ser sua própria nutricionista e encontra uma dieta super restritiva que corta até o ar para respirar rsrs
Você segue a dieta direitinho até perder todos os quilos e conta para todo mundo o resultado que alcançou.
Teoricamente seria mais fácil seguir a primeira dieta já que você tem acesso a todos os alimentos, mas você prefere o mais difícil porque o desafio é maior.
Não é consciente, é um “impulso”.

Outro exemplo: Quando alguém conta sua história de vida geralmente valorizamos aquele que sofreu mais. Que passou por mais dificuldades. E aquele que, de repente teve mais oportunidades, a gente fala que “conseguiu muito fácil”.

Existe uma tendência de preferir o mais difícil. Existe até um certo prazer em sofrer.
Geralmente quando está tudo bem, nos deixamos levar pela situação. Nos acomodamos.
Mas quando passamos por dificuldades nos sentimos desafiados e comecemos a agir. Nós ficamos em estado de alerta e temos ideias que antes não teríamos.

O pedido certo não é que seja mais fácil, mas que você consiga enxergar as oportunidades que a situação te dá. Inteligência emocional é essencial.

Dificuldades sempre vão aparecer, e elas ajudam a dar uma sacudida na nossa vida e sair do marasmo.
Veja pelo lado positivo. 😉

 

Mais, Reflexões

O que dizem a respeito de nós.

Resultado de imagem para autoconhecimento significado

Você já deve ter sido insultado alguma vez. Já deve ter ouvido coisas sobre você que não gostou, sejam elas verdades ou mentiras. Já deve ter também se isolado e se sentido mal por estas coisas que foram ditas.O que eu queria falar hoje pra você é que independente do que disserem, você precisa se conhecer.

Já falei em um vídeo, acho que no ano passado, do quanto eu era influenciada e atormentada pela opinião dos outros a meu respeito e também dos comentários a respeito dos meus comportamentos e minha personalidade. Não sei dizer se tudo era verdade, só sei que realmente me atingiam.

Também já disse pra vocês que o que mais me fortaleceu e o que mais me ajuda até hoje é a sede por me conhecer mais, ou seja, o autoconhecimento.

Não importa o que dizem sobre nós. Não importa o que opinem sobre nossas vidas. Quanto mais a gente se conhece, melhor sabemos lidar com estes comentários.
Se forem verdade, não será uma surpresa, e sim, um alerta de que ainda precisamos trabalhar determinada área, e se for mentira também saberemos porque já temos uma listinha de todos os defeitos do mundo a nosso respeito, não precisamos colecionar defeitos de outras pessoas.

Algumas pessoas não dão o devido valor à esta ferramenta tão importante.
Outras pessoas fogem porque lidar consigo mesmo é difícil. Descobrir que temos certas características que detestamos é assustador.
Mas aceite este desafio como uma ‘arma de defesa’, ou seja, não para os outro, é para si mesmo.

Quando duvidarem da sua capacidade ou inventarem mentiras sobre você, você vai olhar pra dentro e saber que nenhuma delas faz sentido. Você não dará mais valor que o devido e ainda conseguirá filtrar melhor as pessoas com as quais você convive.

Quando colocar suas habilidades em cheque você não se sentirá diminuído pois sabe exatamente do que é capaz e dos seus limites.

O autoconhecimento é fundamental para o ser humano. Quanto mais sabemos sobre nós, melhor lutaremos contra nossos ‘demônios’ e melhor desenvolveremos nossos ‘superpoderes’.

Repare que não importa muito o que dizem, mas como isto vai chegar em você.
Somos seres humanos, é normal que nos sintamos fragilizados; mas não mais que o devido.

Você sabe o que gosta de fazer? Sabe o que não gosta?
Conhece suas reações em determinadas situações?
Sabe o que faz de bom que te diferencia dos demais?
Sabe o que não faz tão bem que precisa de ajuda?

Estas são somente algumas perguntas. O processo é longo.
A idade ajuda, ma não é determinante.
Têm pessoas que viveram por anos e anos e nem sabem qual é sua missão de vida e outras pessoas ainda jovens, que já ousam arriscar-se pelo que acreditam!

Olhe para dentro.
Perceba-se.
Quando tomar uma decisão ou quando estiver vivendo suas experiências reflita no porquê das coisas, como se sente, o que te traz prazer, o que te magoa.

Não é pra você viver como uma máquina categorizadora, não é isso! rs
Mas esteja intencionalmente em todos os momentos.

Você vai perceber que o que importa não é o que nos atinge por fora, mas como nos deixamos atingir por dento.

Mais

Boxe: O que faz minha semana – e eu – ser melhor!

Meus bebês chegaram…agora mexe comigo…hahahahaha #boxe #apaixonada #lutadora #treinofeito #done

A post shared by Dica pra hoje (@blogdicaprahoje) on

Falei no instagram(@blogdicaprahoje) e também cheguei a mencionar no facebook que estou tendo aulas de boxe e que me encontrei nesta modalidade e alguns ficaram impressionados, disseram que nunca me imaginavam fazendo algo como boxe. Não entendi o porquê, mas algumas pessoas também comentaram que já pensaram em fazer também. Pensando nisto resolvi compartilhar com vocês esta decisão incrível que tem me enchido de benefícios!

Ao contrário do que possa parecer não tomei esta decisão do nada. Lembro que desde minha adolescência queria aprender esta luta mas tinha medo de alguma coisa que não sei o que.
Passavam-se os anos e eu continuava com este desejo, mas não tomava atitude nenhuma.
Cheguei até a compartilhar com vocês na TAG Na real que vivia procrastinando aprender boxe, e logo que o ano virou comecei a pesquisar academias que tivessem esta modalidade no horário que eu poderia ir, pois vocês sabem que, por morar em Santos e trabalhar em São Paulo, não consigo ir à academia nos horários tradicionais.
Qual foi minha surpresa que, a 12 minutos a pé da minha casa, com uma mensalidade que eu posso pagar, encontrei uma academia que tem aulas de boxe exatamente no horário que chego em Santos. E não só isso, um dos pontos do fretado é na rua de trás da academia, não ando nem 10 minutos! É muita coisa boa, né?! 😉

Comecei em janeiro e desde então não parei.
Pra não dizer que nunca faltei, eu só falto quando não depende de mim, que geralmente é por causa do trânsito descendo a Serra. Mas nem foram tantas vezes assim.
Faço 3 vezes por semana: segundas, quartas e sextas.

IMG_20170303_214616

Agora, por que o boxe?
Eu sempre fui meio estourada e estressada. Antigamente qualquer coisa me tirava do eixo e me deixava com aquela sensação de que estava acumulando tudo dentro de mim.
Não bastaria só controle e inteligência emocional. Eu precisava de uma válvula de escape.

Já haviam me dito que seria muito bom pra mim porque é uma forma de relaxar, de desestressar, além do benefício para a saúde, que toda atividade física traz.
Outro ponto importante é que não tenho paciência para ficar correndo em uma esteira e puxando ferros. Parece que o tempo não passa!
Já no boxe, quando olho para o relógio, a uma hora de treino já passou! E eu nem senti!

Eu saio cansada, mas sabe aquele cansaço gostoso?
E também ver meus limites sendo testados e aumentados a cada aula dá uma sensação de vitória!
Abdominais que antes não conseguia fazer nem três séries, hoje já faço dez.
Corda que eu não conseguia pular dez vezes sem errar, já são cinquenta pulos direto.
Enfim, é muito bom!

Eu não tenho o horário da manhã livre, acordo às 5h para pegar o fretado às 5h41.
Então só me resta o período da noite.
Eu pensava que seria ruim porque não dormiria rápido ou que me sentiria mais cansada, mas estou conseguindo levar super bem!
Chego em casa, arrumo minhas coisas para o dia seguinte, como alguma coisa, tomo banho e já estou dormindo.

Se você está em busca da atividade física ideal para você, indico que não procure pelas atividades da moda e, muito menos, pelo boxe só porque estou falando.
Mas escolha uma academia, veja as modalidades que ela tem e faça as aulas de teste. Teste todas se quiser.
Caso esteja confuso, comece descartando as que realmente não se identificou e dentro das que sobraram pense nas que mais sentiu prazer em fazer!

Eu quero incluir mais outra atividade física às terças e quintas. Estou pensando bem porque tem aulas de zumba, mas eu sempre chego uns quinze minutos depois. Ou talvez eu tenha que me render à esteira e àquelas máquinas de tortura! rsrs

O bom é que fazer atividade física realmente vicia e o boxe foi a atividade que mais rapidamente virou hábito!

boxe.png

Quando o domingo está acabando, fico animada porque segunda à noite terei aula e na terça fico feliz que no dia seguinte terei também, e assim sucessivamente.

O que você gosta de fazer?
Pense rápido e comece!

 

 

 

 

 

 

 

Mais

Qual é a sua marca?

Estrada-feliz
Fonte

A vida é realmente uma caixinha de surpresas!
Eu falei para vocês que havia desativado meu facebook, mas não sei por que ainda estava ativo. Algumas pessoas ainda me viam.
Como no sábado foi meu aniversário, acabei entrando para agradecer às pessoas que estavam me dando os parabéns. Recebi parabéns pelo face, pelo whatsapp e pelo instagram! Foi uma chuva de mensagens boas!

Fui agradecendo às pessoas na mesma hora em que recebia para que cada uma soubesse o quanto eu realmente estava agradecida.
Lendo cada um pude perceber pontos em comum, meus amigos citavam características bem parecidas sobre mim. Eles falavam sobre minha felicidade que contagia e também sobre minha personalidade e meu foco.

Isto foi me chamando tanto a atenção que percebi que, talvez, estas sejam as características que mais chamam a atenção de uma forma geral.
Fiquei pensando por um tempo se eram coisas boas, se eu estaria feliz em ser vista desta forma e se é como eu gostaria de ser lembrada, e, no final das contas, realmente recebi como algo super positivo!

As pessoas que convivem comigo são marcadas pela minha felicidade que contagia (algumas falaram do meu sorriso, que é a mesma coisa, eu acho ) e minha personalidade forte e focada.

Como será que você é visto? Já parou para pensar? Isto te importa?
Tem gente que não se importa com seu legado ou em como é visto, mas acredito que precisamos pensar na marca que deixamos na vida das pessoas.

Se você tiver esta oportunidade, se seu aniversário ainda não passou, te convido a refletir em cima do que falam sobre você. As características que mais se repetem a seu respeito.

Caso não receba palavras neste sentido é bom refletir se você tem deixado marcas positivas na vida das pessoas!

Mais

Meu mês começou!

Resultado de imagem para bem vindo março tumblr

Semana passada não tivemos posts por motivo de “tive de aproveitar o feriadão para descansar”. E valeu super a pena! Não quero ficar choramingando minha rotina cruel, mas já choramingando: Não está sendo fácil! rsrs

Se você sentiu minha falta por aqui ou pelo canal, saiba que nas outras redes sociais estou firme e forte. Então me siga no Snapchat (Dicaprahoje), no Instagram (@blogdicaprahoje) e no Twitter (Dicaprahoje).

Bem, março é o mês do meu aniversário! No dia 11 completo 31 anos! Que delícia!

Confesso que a cada ano fico mais feliz por saber que tenho aproveitado cada minuto da minha vida e 2017 sei que será um ano de muitas comemorações!

Algumas pessoas comemoram o seu ano novo no dia do aniversário, pois é realmente um novo ano que inicia e, olhando por este ponto de vista, faz todo sentido.
É bom reavaliar os projetos e as próximas ações.

Conheço várias pessoas que também farão aniversário neste mês.
Se você faz e está lendo este post aproveite bastante, celebre, comemore com pessoas que te façam feliz, que você ame e que te amem de volta.
Pense em como você se imaginava, quando era mais novo, quando tivesse sua idade e reflita:

  • Estou melhor ou pior?
  • Aconteceu como eu queria?
  • Me realizei no que eu desejava?
  • Estou feliz com a minha vida do jeito que está?
  • O que mais posso fazer para me realizar?
  • Quais situações foram mais importantes e relevantes para o meu crescimento até agora?
  • Onde posso me desafiar mais?
  • O que ainda não realizei e que deveria?
  • O que preciso mudar, que está travando meu sucesso?

Estas são só algumas perguntas que você pode se fazer, mas é importante parar um tempo para respondê-las! Você verá que as respostas podem ser libertadoras e transformadoras!

Bom mês para nós!