Fui mordida pelo mosquito do fim do ano

Eu  não queria. Juro! Tentei fugir, mas fui picada pelo bichinho do fim do ano. Estou reflexiva, estou avaliando e reavaliando o que tem acontecido e como foi este ano que me trouxe só surpresas. 

2018 realmente foi um ano completamente atípico. Ao mesmo tempo – não é força de expressão – ao mesmo tempo que me vieram dificuldades, também me vieram muitos aprendizados bons.

E se bobear, as mesmas coisas que considerei ruins, foram as coisas que me trouxeram alegria. 

Pensando no que quero para os próximos anos, percebi que até minhas metas amadureceram. Aquele desejo desesperador de ter um monte de metas, passou.
Me peguei olhando meu papel e notei que estava querendo inventar metas só para “ter mais”, só para olhar e ver um monte de itens. Pra que?

Quero muitas coisas boas, muitas coisas novas e já estou correndo atrás hoje mesmo.
Sempre costumo perguntar em sessões de coaching ou nas minhas mentorias, para minhas clientes: “Qual o primeiro passo que você pode dar ,HOJE,para estar mais próxima do teu objetivo?” E então, dê este primeiro passo. 

Eu estou dando hoje mesmo. Cada atitude e intencional. Precisa ser assim. Caso contrário o tempo passa e vamos repetir “Nossa, como o ano passou rápido” ou então vamos compartilhar aquelas postagens de que não fizemos nada no ano que passou.

Que este bichinho que me picou, pique você também e te traga muito resultados bons! 🙂

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s